O Senhor dos Montes Seguros

Em tempos de tsunamis, guerras e acidentes nucleares os nossos sonhos podem ser destruídos. Sim, há dias escutamos no amanhecer do Brasil o pedido de socorro vindo de bem longe. Do outro lado do mundo grandes ondas e um terremoto cruel abalaram os sonhos e a vida de muitos. A onda terrível chegou devastando tudo e todos. Uma das cenas que mais me impressionaram foi a destruição de uma pequena cidade costeira no Japão. Em cima de um pequeno monte as pessoas viam a cidade ser tomada e destruída por uma água negra e mortal. Enquanto as casas eram destruídas ainda bem longe, acreditei que as águas não destruiriam um grande edifício praticamente ao pé do monte. Para minha surpresa ás águas e os destroços chegaram tão violentamente naquele prédio que ele praticamente explodiu. Pensei erroneamente que era um lugar seguro.

Numa imagem chocante, aparentemente filmada do mesmo platô assistimos o desespero de gente que corria fugindo da grande e mortal onda. Elas corriam para o alto.

Não há lugar mais seguro do que o alto. Quando as ondas chegam e invadem nossas casas e relacionamentos trazendo perdas, morte, sofrimento, saudade, dor, desemprego e desesperança o melhor lugar para corrermos é para o alto. Não por acaso o Salmista canta: “Elevo meus olhos para os montes, de onde me virá o socorro. O meu socorro vem do Senhor que fez o céu e a terra” (Salmos 121.1,2).

Estás passando por dificuldades? Saiba que o muro construído a beira do mar não evitará a onda. Entenda que o edifício mais forte e seguro não trará abrigo. Perceba que os braços fortes de quem te ama não serão capazes de segurar as suas mãos. Há o que fazer. Suba os montes. Achegue-se a Deus. Ele não esquecerá de ti. Eleve seus pensamentos, seu coração, sua alma, seu entendimento aos céus. É de lá, do Deus perto, que virá o teu socorro.

Não fique parado! Corra aos braços do Senhor dos montes seguros.

Deus Te abençoe!